Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

TRF da 1ª Região e mais 3 orgãos encerram inscrição para 779 vagas

15/08/2013 10:17

Terminam nesta quinta-feira (15/8) os prazos de inscrição de quatro concursos públicos que totalizam 779 vagas. O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), com sede em Brasília, oferta 81 chances para juízes. A Fundação Pró-Sangue Hemocentro de São Paulo abriu 594 vagas mais formação de cadastro de reserva. Noventa e nove vagas e cadastro reserva foram abertas para oficiais de justiça pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). E o Tribunal de Justiça Militar de Minas Gerais (TJM/MG), por sua vez, oferta cinco vagas para níveis médio e superior. Veja abaixo como se inscrever. TRF-1 O concurso é destinado ao cargo de juiz federal substituto com remuneração de R$ 22.854,46. Para concorrer é preciso ser bacharel em direito e ter três anos de atividade jurídica, no mínimo. O Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB) é a banca organizadora. Interessados podem realizar inscrições preliminares até as 23h30, pelo site http://www.cespe.unb.br/concursos/trf1_13_juiz. A taxa de participação é de R$ 160. Como todo concurso para juiz é extenso e contem várias etapas, este não será diferente. A primeira etapa será a prova objetiva, no dia 20 de outubro, de caráter eliminatório e classificatório, e exigirá conhecimento em direitos constitucional, previdenciário, penal, processual penal e econômico, de proteção ao consumidor, civil, processual civil, empresarial e financeiro, tributário, administrativo, ambiental e internacional público e privado. A segunda etapa do certame será composta por duas provas escritas, a primeira será uma dissertação e duas ou quatro questões, e a segunda será a lavratura de duas sentenças, em dias sucessivos, uma de natureza cível e outra de natureza penal. As demais fases serão: inscrição definitiva, sindicância da vida pregressa e investigação social, exame de sanidade física e mental, exame psicotécnico, prova oral, de caráter eliminatório e classificatório, e avaliação de títulos de caráter classificatório. As avaliações objetiva, escrita e discursiva, bem como os exames de sanidade física e mental, o exame psicotécnico e a perícia médica serão realizados em Brasília, Belém, Belo Horizonte, Boa Vista, Cuiabá, Goiânia, Macapá, Manaus, Palmas, Porto Velho, Rio Branco, Salvador, São Luís e Teresina. As demais etapas serão realizadas somente na capital federal. Hemocentro/SP As inscrições do concurso podem ser feitas pelo site da Fundação Getúlio Vargas (FGV), a banca organizadora, até as 23h59. As taxas custam R$ 53 e R$ 67. Do total de chances, 410 são para cargos de níveis médio e técnico, 23 vagas de nível fundamental e 161 de nível superior. Candidatos com nível intermediário podem concorrer aos cargos de auxiliar administrativo, técnico (de laboratório de análises clinicas, de enfermagem, de manutenção civil, de manutenção eletrônica/telefonia, de manutenção em elétrica, de refrigeração, de segurança do trabalho), controlador de estoque e telefonista. Já para nível fundamental o posto é de auxiliar de serviços gerais. Graduados, por sua vez, têm à disposição os cargos de advogado, analista de gestão administrativa, assistente social, auditor, biologista, enfermeiro, engenheiro, engenheiro de segurança do trabalho, médico, médico do trabalho e psicólogo. Os salários variam de R$ 845,17 a R$ 4.936, em jornadas mensais que variam de 180 a 220 horas, além de auxílio creche no valor mensal de até R$ 169,03 para funcionárias com filhos, vale-refeição de R$ 178,80 para a jornada de 180 horas ou R$ 240 para o regime de 220 horas, vale alimentação de R$ 84, vale-transporte, seguro de vida e auxílio-funeral. Os aprovados serão lotados na capital São Paulo e na cidade de Santos e serão regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). A seleção dos candidatos se dará mediante prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, no dia 15 de setembro. Além dessa avaliação, haverá prova de títulos para as funções de níveis médio e técnico, e de redação para graduados. Este concurso tem validade de dois anos, contados a partir da data de homologação do resultado final, podendo ser prorrogado pelo mesmo período a critério da Administração da Fundação Pró-Sangue. TJMG Noventa e nove vagas e cadastro reserva foram abertas para oficiais de justiça avaliador no novo concurso público aberto pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). Aprovados vão trabalhar em regime de 30 horas semanais no Foro Judicial ou Juizado Especial das Comarcas do Estado de Minas Gerais. O salário é de R$ 2.162,60. A CKM Serviços Ltda é a banca organizadora da seleção. Para participar é necessário nível médio de escolaridade. Interessados devem se inscrever, até as 23h59, pelo site www.makiyama.com.br/tjmg. A taxa é de R$ 50. Dez por cento das vagas são reservadas a pessoas com deficiência. Haverá provas objetivas no dia 15 de setembro com questões sobre português, noções de informática e de direito, além de conhecimentos específicos. TJM/MG A Fundação Mariana Resende Costa (Fumarc) é a banca organizadora. Os cargos de nível superior são para técnico judiciário nas especialidades de técnico judiciário, bibliotecário, contador, jornalista, analista de recursos humanos, administrador de bancos de dados, administrador de rede e revisor judiciário. Para este, o salário é de R$ 3.386,72. As vagas de nível médio são para oficial judiciário nas especialidades de oficial judiciário, técnico de controle financeiro, assistente técnico de sistemas, assistente técnico de manutenção de informática, oficial judiciário e oficial de justiça. A remuneração é de R$ 2.162,60. As inscrições podem ser feitas até as 19h pelo site da banca - www.fumarc.com.br. A taxa é de R$ 50 para nível médio e R$ 70 para nível superior. Os candidatos também podem se inscrever na sede do TJM/MG, localizada na Rua Tomaz Gonzaga, 686, em Belo Horizonte, de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h. A seleção será feita por meio de provas objetivas, no dia 8 de setembro, e prova de redação para o cargo de técnico judiciário na especialidade de revisor. As avaliações serão realizadas em Belo Horizonte. O concurso terá dois anos de validade e poderá ser prorrogado pelo igual período somente uma vez.

PESQUISA DE CONCURSOS