Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

Quase 4 mil vagas encerram inscrições nesta quinta-feira

07/11/2013 11:48

A Marinha do Brasil; o Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região (TRT-15), em Campinas; a Secretaria Municipal de Educação de Palmas (Semed), no Tocantins; o Consórcio Intermunicipal para Desenvolvimento da Saúde Pública, no Rio de Janeiro (Codesp/RJ); e a Prefeitura Municipal de Vilhena, em Rondônia, encerram nesta quinta-feira (7/11) o prazo de inscrições para 3.948 vagas. São oportunidades para todos os níveis de escolaridade, com salários que podem chegar a R$ 9,1 mil. Marinha São 71 vagas para médicos no cargo de primeiro tenente. Inscrições devem ser feitas até as 23h59, pelos sites www.ensino.mar.mil.br ou www.ingressonamarinha.mar.mil.br. Aqueles que não têm acesso à internet podem se candidatar presencialmente, na sede de uma das organizações responsáveis pela divulgação constantes no edital. A taxa custa R$ 45. A seleção servirá para ingresso no Corpo de Saúde da Marinha (CP-CSM-MD). Para concorrer é preciso ter curso superior em medicina e título de especialista ou residência médica na especialidade de interesse. Outra exigência é a idade máxima de 36 anos. Do total de vagas, 48 são distribuídas em âmbito nacional, nas especialidades de anatomia patológica, anestesiologia, cancerologia, cardiologia, cirurgia cardíaca, cirurgia geral, cirurgia torácica, cirurgia vascular, clínica médica, dermatologia, gastroenterologia, geriatria, ginecologia e obstetrícia, hematologia, infectologia, medicina intensiva, medicina legal, medicina nuclear, nefrologia, neurologia, oftalmologia, ortopedia e traumatologia, otorrinolaringologia, pediatria, pneumologia, proctologia, psiquiatria, radiologia, radioterapia e urologia. Outras 23 vagas são para jurisdições do Comando do 2º (Salvador), 3º (Natal), 4º (Belém), 5º (Rio Grande/RS), 6º (Ladário/MS) e 7º (Brasília) Distritos Navais, nas especialidades de anestesiologia, cardiologia, cirurgia geral, pediatria, radiologia, ortopedia e traumatologia, psiquiatria, clínica médica e ginecologia e obstetrícia. Haverá prova escrita, de conhecimentos profissionais e redação, em 30 de novembro nas cidades do Rio de Janeiro, Vila Velha, Salvador, Natal, Olinda (PE), Fortaleza, Belém, São Luís, Rio Grande (RS), Porto Alegre, Florianópolis, Ladário (MS), Brasília, São Paulo e Manaus. Além das avaliações escritas, haverá inspeção de saúde e entrega de documentos para realização da verificação de documentos e preenchimento do questionário biográfico simplificado. Entre os dias 2 a 17 de janeiro será realizada a fase final, que constará de teste de aptidão física para os candidatos aptos na inspeção de saúde de 13 a 17 de janeiro. Também será realizado Curso de Formação de Oficiais (CFO), com início em 31 de março de 2014 e terá duração aproximada de 39 semanas. A prova escrita e o CFO terão caráter eliminatório e classificatório. As demais fases terão caráter apenas eliminatório, exceto no caso da prova de títulos, que será apenas classificatória. TRT-15 O concurso oferta duas vagas imediatas mais formação de cadastro reserva. Para graduados as chances são de analista, com salário de até R$ 9.188,20, e para nível médio as oportunidades são para o posto de técnico, com remuneração de até R$ 5.623,49. Na seleção haverá provas objetivas, de caráter classificatório e eliminatório, de conhecimentos gerais e específicos, avaliação discursiva, redação e estudo de caso. Todas aplicadas em 15 de dezembro. Os conhecimentos específicos na prova de analista constarão das disciplinas de direitos constitucional, administrativo, do trabalho, civil, processual civil e previdenciário. Interessados devem se inscrever até as 14h, no site da Fundação Carlos Chagas (FCC), banca organizadora, - www.concursosfcc.com.br. As taxas custam R$ 82,80 para analista e R$ 67,80 para técnico. Além de Campinas, os aprovados serão lotados em Bauru, Jundiaí, Piracicaba, São José dos Campos e Sorocaba. Semed/TO O concurso oferta 3.545 oportunidades - sendo 697 efetivas e 2.848 para cadastro reserva. Interessados devem se inscrever até as 23h59, pelo site www.copese.uft.edu.br. As taxas custam R$ 60, R$ 80 e R$ 100, para os níveis fundamental, médio e superior, respectivamente. Quem tem o nível fundamental incompleto pode concorrer aos postos de agente administrativo educacional e agente de transporte educacional. Já aqueles com nível médio disputam as chances para professor nível I e técnico administrativo educacional. Graduados escolhem entre as funções de professor - nível II, nas áreas de artes cênicas, visuais, ciências, dança, educação física, judô, música, geografia, história, filosofia, língua espanhola, língua inglesa, língua portuguesa, matemática e pedagogia - de magistério ou de orientação educacional. Os salários variam de R$ 750,11 a R$ 2.838,11 para jornada de 40 horas por semana. Do total de vagas, cinco por cento são destinadas a pessoas com deficiência. O certame será composto por prova objetiva, aplicada em 15 de dezembro, com questões de língua portuguesa, matemática, noções de informática, legislação do município de Palmas, legislação educacional, conhecimentos regionais e conhecimentos específicos, além de prova de redação e avaliação de títulos, para as funções que exigem formação de nível superior. Codesp/RJ São 68 oportunidades para níveis superior e médio/técnico. Interessados podem se inscrever até as 23h59, pelo site da banca organizadora, a Consulplan, ou nas centrais de atendimento da banca, localizadas na Rua Intendente Franklin Rabello, 8, em Natividade/RJ, e na Rua João Francisco Braz, 695, em Porciúncula/RJ. As taxas são de R$ 45 e R$ 80, para nível médio/técnico e superior, respectivamente. As provas objetivas têm data prevista de realização em 8 de dezembro. As oportunidades de nível superior são para os cargos de dentista, médico, psicólogo e terapeuta ocupacional. Os salários variam entre R$ 1,2 mil e R$ 3,6 mil, dependendo do posto. Para nível técnico, as chances são para técnico de saúde bucal e protético, com salários de R$ 708 e R$ 700, respectivamente. Os que concluíram o ensino médio disputam as funções de auxiliar de enfermagem, auxiliar de saúde bucal e educador de saúde, com salário de R$ 698 para o primeiro e R$ 678 para os dois últimos. A jornada de trabalho é de 40 horas para todos os postos. Vilhena/RO A oferta é de 262 oportunidades em diversas áreas. Além das vagas imediatas, há formação de cadastro reserva. As chances são para níveis fundamental, médio e superior, com salários que podem chegar a R$ 6,3 mil. O Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (Idecan) é a banca organizadora. Em nível fundamental incompleto, as vagas são de costureira, coveiro, eletricista de viaturas e equipamentos, eletricista predial, mecânico geral, merendeira, motorista de viaturas leves e pesadas, operador de máquinas leves, de motoniveladora e de retroescavadeira e pedreiro. Os salários vão de R$ 678 a R$ 850. Já os que possuem o fundamental completo podem concorrer aos cargos de agente de saúde pública, auxiliar administrativo, auxiliar em saúde bucal e agente comunitário de saúde. Para esses postos as remunerações são de R$ 678 e R$ 700. Em nível médio os candidatos concorrem a agente administrativo, cuidador de alunos, desenhista (cadista), fiscal de ITBI (de meio ambiente, de obras e posturas, de vigilância sanitária e tributário), instrutor de Libras I, secretário escolar e topógrafo. Os vencimentos vão de R$ 700 a R$ 1.651. Quem tem formação técnica se inscreve nas áreas de agropecuária, enfermagem, informática, laboratório de análise clínica, meio ambiente, radiologia, saúde bucal e segurança do trabalho. O salário é o mesmo para todos: R$ 800. Já os graduados entram na disputa pelos cargos de assistente social, biólogo, bioquímico, cirurgião dentista, enfermeiro, farmacêutico, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, médico, naturólogo, nutricionista, psicólogo, coordenador pedagógico, instrutor de Libras, intérprete de Libras, professor, contador, engenheiro (agrônomo, ambiental, civil, de tráfego, eletricista e sanitarista), entre outros. A remuneração varia de R$ 1,6 mil a R$ 6,3 mil. Interessados devem se inscrever até as 23h59, pelo site www.idecan.org.br. As taxas são de R$ 45 e R$ 77, de acordo com a escolaridade. Para os que não têm acesso à internet, é possível se inscrever pessoalmente, na avenida Major Amarante, nº 4.119, no Centro de Vilhena. Cinco por cento das vagas são destinadas a pessoas com deficiência. As jornadas de trabalho variam de 20 a 40 horas por semana. Todos os participantes serão avaliados por prova escrita objetiva, prevista para o dia 15 de dezembro, com questões de língua portuguesa, informática, raciocínio lógico, história e geografia do estado de Roraima e conhecimentos específicos. Também haverá prova prática e de títulos aos concorrentes a algumas funções. As contratações serão feitas no regime estatutário, exceto no caso dos agentes comunitários de saúde, com contrato temporário via Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

PESQUISA DE CONCURSOS