Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Depen convoca candidatos para investigação social

27/11/2013 10:26

O Departamento Penitenciário Nacional (Depen), vinculado ao Ministério da Justiça (MJ), convocou os candidatos para a investigação social referentes ao concurso que oferta 138 oportunidades de níveis médio e superior, com salários que variam de R$ 2.303,17 a R$ 3.401. A etapa será realizada entre os dias 27 de novembro e 6 de dezembro, das 8h às 12h e das 13h às 17h nas capitais estaduais e na capital federal. O resultado provisório da investigação deverá ser publicado no dia 15 de janeiro de 2014 no site da banca, o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB). O concurso O certame é composto por duas fases. A primeira consiste de provas objetivas, prova discursiva, exame de aptidão física, de caráter eliminatório, somente para o cargo de agente penitenciário federal; avaliação médica, avaliação psicológica, e investigação social. Já a segunda fase consistirá no curso de formação profissional. Cinco por cento das vagas são destinadas a pessoas com deficiência. Para o cargo de especialista em assistência penitenciária (nível superior), a remuneração é de R$ 3.401. Já para agente penitenciário federal (nível médio), o salário é de $ 3.254,04 e para o posto de técnico de apoio à assistência penitenciária o vencimento é de R$ 2.303,17. A jornada de trabalho é de 40 horas por semana para todos as oportunidades e níveis de escolaridade. Aprovados no concurso serão lotados em uma das quatro penitenciárias federais localizadas nas cidades de Catanduvas/PR, Campo Grande, Mossoró/RN e Porto Velho, de acordo com o interesse e necessidade da Administração.

PESQUISA DE CONCURSOS