Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Mapa retifica concurso com 796 vagas para todos os níveis de escolaridade

04/02/2014 18:44

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) retificou o edital de abertura do concurso público com oferta de 796 vagas, sendo 46 reservadas a pessoas com deficiência. Com a alteração, as vagas para os cargos de fiscal federal agropecuário nas funções de engenheiro-agrônomo e veterinário, assim como as de agente de inspeção sanitária e industrial de produtos de origem animal dos estados do Amapá, Rio Grande do Sul, Ceará e Mato Grosso, são destinadas às cidades de Rio Branco, Santana do Livramento, Acaraú, Guarantã do Norte e Canguaretama, respectivamente, e não como havia sido divulgado. Também foi modificada a exigência de escolaridade para os cargos de agente de atividades agropecuárias e técnico de contabilidade, que passam a exigir ensino médio técnico, e não apenas médio como havia sido divulgado anteriormente. As oportunidades são para níveis fundamental, médio/técnico e superior. Os salários variam de R$ 2.818,02 a R$ 12.539,38. Só para o Distrito Federal são 97 vagas. A Consulplan é a banca organizadora. As chances para nível superior são de engenheiro agrônomo, farmacêutico, químico, veterinário, zootecnista, administrador, bibliotecário, contador, economista, engenheiro, geógrafo e psicólogo. Já para nível médio/técnico, as oportunidades são para agente de atividades agropecuárias, agente de inspeção sanitária e industrial de produtos de origem animal e técnico de laboratório, agente administrativo e técnico de contabilidade. Por fim, o cargo ofertado para candidatos com ensino fundamental é de auxiliar de laboratório. O certame será composto por provas objetiva e discursiva para todos os cargos e avaliação de títulos para os de nível superior. As avaliações estão previstas para o dia 4 de maio, nas 26 capitais dos estados da Federação e no Distrito Federal. Interessados poderão se inscrever de 3 de fevereiro a 6 de março, pelo site da banca organizadora. A taxa de participação é de R$ 38,50 para nível fundamental, R$ 50 para nível médio e R$ 71 para nível superior. O concurso terá validade de um ano e poderá ser prorrogado pelo mesmo período. As vagas são para Acre, Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Pernambuco, Paraná, Rio Grande do Norte, Roraima, Rondônia, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo, Tocantins e Distrito Federal.

PESQUISA DE CONCURSOS