Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

ALBA, EBSERH e TJCE fecham inscrições; salários até R$ 22 mil

27/03/2014 10:12

A Assembléia Legislativa da Bahia (ALBA), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) e o Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) encerram, nesta quinta-feira (27/3), o prazo de inscrições de seus respectivos concursos. O três órgãos oferecem 1.058 oportunidades, que podem ser preenchidas por candidatos de níveis médio, médio/técnico e superior. As remunerações vão de R$ 1,7 mil a R$ 22 mil. Confira abaixo como concorrer. ALBA São 97 oportunidades para níveis médio, médio/técnico e superior. As inscrições poderão ser feitas até as 23h59, pelo site www.fgvprojetos.fgv.br. As taxas custam R$ 75 e R$ 65, de acordo com o cargo pretendido. O edital de abertura pode ser visto no site da Fundação Getúlio Vargas (FGV), banca organizadora do certame. Graduados em administração, ciência contábeis, direito, economia, análise de sistemas, ciências da computação, tecnologia da informação, arquitetura, serviço social, ciências econômicas, engenharia civil, engenharia elétrica, pedagogia, história, psicologia, jornalismo, comunicação social, letras e secretariado, entram na disputa pelos cargos de auditor e técnico de nível superior. São 48 chances, no total. O vencimento para o posto é R$ 1.729,14. Os candidatos de nível médio disputam 36 vagas para o cargo de técnico de nível médio, na função administrativa. Para as outras 11 vagas pode concorrer quem tem nível médio/técnico em artes gráficas, auxiliar de odontologia, contabilidade e eletricidade. As provas objetivas para todos os postos serão aplicadas no dia 11 de maio, em Salvador/BA. A validade do concurso é de dois anos, a partir da data da homologação, podendo ser prorrogado por mais dois anos. EBSERH São três editais com 881 chances e formação de cadastro reserva. As oportunidades são para preenchimento de vagas no Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco (FH-UFPE). O Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (Idecan) é a banca organizadora dos três certames. Interessados em qualquer um dos certames podem se inscrever pelo site da banca, até às 23h59. A taxa custa R$ 50 e R$ 30 para nível superior e médio, respectivamente. Do total de vagas, 5% são reservadas ao candidato com deficiência. No primeiro edital, a oferta é de 247 oportunidades para nível superior. Os cargos são para área médica. O salário é de R$ 6.495 para carga horária de 24h semanais. O segundo edital disponibiliza 609 vagas, também para nível superior. Os cargos são de assistente social, biólogo, farmacêutico, enfermeiro, fisioterapeuta, nutricionista, pedagogo, psicólogo, entre outros. Os salários variam de R$ 1.630 a R$ 7.774. No terceiro edital estão disponíveis, no total, 25 vagas para área administrativa. Graduados poderão disputar os cargos de advogado, engenheiro civil, engenheiro eletricista, engenheiro mecânico, entre outros. Para nível médio/técnico os cargos são de assistente administrativo, técnico em informática e técnico em segurança do trabalho. Os salários variam de R$ 1.841 a R$ 7.774 para jornada de 40h semanais. As provas objetivas serão aplicadas no dia 11 de maio, em Recife. Serão cobrados dos candidatos conhecimentos em língua portuguesa, raciocínio lógico e matemático, legislação aplicada à EBSERH, legislação aplicada ao SUS, além de conhecimentos específicos do cargo. Haverá também análise de títulos. O concurso é válido por dois anos, a contar da data da homologação, podendo ser prorrogado por mais dois anos. TJCE O órgão visa o preenchimento de 80 vagas imediatas e formação de cadastro reserva ao cargo de juiz substituto. Do total de chances, quatro são reservadas a pessoas com deficiência. O salário ofertado é de R$ 22.797,33. Haverá provas objetivas no dia 25 de maio. Interessados podem se inscrever até às 14h, por meio do site da banca organizadora, a Fundação Carlos Chagas (FCC). A taxa de participação é de R$ 227. Podem participar do certame bacharéis em direito que tenham exercido atividade jurídica por, pelo menos, três anos. Além das avaliações objetivas, candidatos passarão por prova discursiva, de sentença, inscrição definitiva, sindicância de vida pregressa e investigação social, exame de sanidade física e mental e prova oral. As avaliações serão aplicadas na capital Fortaleza. A seleção é válida por dois anos, podendo ser prorrogada por igual período.

PESQUISA DE CONCURSOS