Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Inscrições para 1.320 vagas terminam nesta sexta; salários até R$ 8 mil

25/04/2014 10:41

Esta sexta-feira (25/4) é o último dia para se inscrever nos concursos do Ministério Público de São Paulo (MPSP), da Polícia Civil de São Paulo (PCSP), da Agência de Fomento de São Paulo (Desenvolve/SP) e do Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação de São Paulo (Prodam/SP). Os quatro órgãos têm, no total, 1.320 vagas abertas. Há oportunidades para todos os níveis de escolaridade. Os vencimentos chegam a cada dos R$ 8 mil. MPSP O órgão visa preenchimento de 37 vagas para o cargo de auxiliar de promotoria I. A função exige ensino fundamental completo e o salário ofertado é de R$ 2.131,52, por jornada de trabalho de 40h semanais. Haverá provas objetivas no dia 25 de maio, no turno vespertino. Interessados podem se inscrever até às 16h, por meio do site da banca organizadora, a Fundação Vunesp. A taxa de participação é de R$ 40. Postulantes que tiverem doado sangue nos últimos 12 meses estão isentos da taxa. A avaliação objetiva, única etapa do certame, será composta por 60 questões que versarão sobre as disciplinas de língua portuguesa, matemática, história, geografia, atualidades e legislação. A duração máxima do exame é de 4h. Aprovados serão lotados nas unidades administrativas vinculadas à capital e a Grande São Paulo. A seleção é válida por dois anos, podendo ser prorrogada por igual período. PCSP São 120 chances para fotógrafos técnico-pericial. Ao todo, 5% das vagas são reservadas a pessoas com deficiência. Os profissionais atuarão na Academia de Polícia Dr. Coriolano Nogueira Cobra. O salário do posto é de R$ 3.256,40, correspondente à soma dos valores do salário-base e da gratificação pelo Regime Especial de Trabalho Policial (RETP). A jornada de trabalho é de 40 horas semanais, estando sujeito a plantões noturnos e chamadas em qualquer horário. A Fundação Vunesp é a banca organizadora. Interessados podem se inscrever até às 16h do dia 25 de abril pelo site da banca. A taxa de participação é de R$ 42,61. O certame terá validade de dois anos e poderá ser prorrogado por uma única vez, por igual período. Para participar, os candidatos devem possuir nível médio, habilitação para a condução de veículos na categoria "B", no mínimo, dentre outros requisitos. As vagas estão distribuídas nas seguintes localidades: Araçatuba, Andradina e Penápolis (3); Bauru, Assis, Jaú, Lins, Marília, Ourinhos e Tupã (6 e 1 PNE); Campinas, Americana, Bragança Paulista, Jundiaí, Limeira, Mogi Guaçu, Piracicaba, Rio Claro e São João da Boa Vista (18 e 1 PNE); Presidente Prudente, Adamantina, Dracena e Presidente Venceslau (4); Ribeirão Preto, Araraquara, Barretos, Bebedouro, Franca, Ituverava, Jaboticabal, São Carlos e São Joaquim da Barra (12 e 1 PNE); Santos, Guarujá, Itanhaém e Registro (3); São José dos Campos, Cruzeiro, Guaratinguetá, Jacareí, Taubaté e São Sebastião (12 e 1 PNE); São José do Rio Preto, Catanduva, Fernandópolis, Jales e Votuporanga (3); Sorocaba, Avaré, Botucatu, Itapeva e Itapetininga (9 e 1 PNE); Capital e Grande São Paulo - São Paulo, Guarulhos, Mogi das Cruzes, Osasco, Santo André, São Bernardo do Campo, e Taboão da Serra (50 e 3 PNE). O concurso será realizado em quatro fases, sendo elas: prova preambular, composta de questões objetivas - prevista para o dia 1 de junho de 2014; prova de aptidão psicológica; prova de aptidão física; e comprovação de idoneidade e conduta escorreita, mediante investigação social. A aplicação das etapas ocorrerá nas cidades de Araçatuba, Bauru, Campinas, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo (Capital e Grande São Paulo) e Sorocaba. Para conferir o edital de abertura, clique aqui Desenvolve/SP São 31 vagas e cadastro reserva. Os salários variam de R$ 2.535,02 a R$ 3.837,80. As inscrições seguem até às 16h, pelo site www.vunesp.com.br/AFSP1401/, da Fundação Vunesp, a banca organizadora. A taxa custa R$ 80. Há chances para advogado, analista de sistemas, auditor, contador, economista, engenheiro e analista (para formados em administração, ciências contábeis, direito, economia, engenharia, estatística, marketing, matemática, pedagogia, serviço social, logística, comunicação social, relações públicas, secretariado executivo, e tecnólogo em processamento de dados, telecomunicações ou rede de computadores). Haverá prova objetiva no dia 25 de maio. Prodam/SP A oferta é de 1.132 chances de níveis médio e superior. A candidatura pode ser feita pelo site da Coordenadoria de Apoio a Instituições Públicas (Caipimes), organizadora da seleção. Haverá prova objetiva no dia 25 de maio. Do total de chances, 12 são imediatas e 1.120 de cadastro reserva. Os salários variam entre R$ 1.871,48 e R$ 8.016,32. Candidatos que possuem ensino médio vão disputar as funções de auxiliar de enfermagem no trabalho e técnico I nas especialidades de assistente administrativo; eletricista data center; incidentes; microinformática; preparação de dados; rede e secretariado. Graduados, por sua vez, podem concorrer aos cargos de analista organizacional I, nas especialidades de controle financeiro; desenvolvimento de pessoas e serviço social; analista de TIC I nas especialidades de infraestrutura, liberações, monitoramento e apoio ao suporte, operação e apoio ao suporte, processos, entre outros; analista de TIC II nas áreas de designer de interface web, processos, programação, programação visual, suporte de banco de dados, entre outros; e analista de TIC de arquitetura SOA e metodologia. O processo seletivo é válido por dois anos, podendo ser prorrogado por igual período. Leia mais: Prodam/SP suspende inscrições de concurso com 1.132 vagas

PESQUISA DE CONCURSOS