Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Degase/RJ e Caesa/AP encerram inscrições para mais de 400 vagas

06/11/2015 10:56

Do CorreioWeb

Departamento Geral de Ações Socioeducativas/RJ
O processo seletivo simplificado oferece 332 vagas para contratação temporária. Podem participar candidatos com formações de nível fundamental, médio técnico e superior. As remunerações variam de R$ 2.140,50 a R$ 3.144,26.

Os cargos oferecidos são de pedagogo, psicólogo, assistente social, médico, farmacêutico, enfermeiro, técnico em enfermagem, auxiliar socioeducativo masculino, auxiliar socioeducativo feminino e motorista.

O concurso terá quatro etapas, nas quais os candidatos passarão pela análise curricular, entrevista, pesquisa social e, por fim, pela avaliação médica. É necessário que a documentação para a comprovação de títulos sejam entregues na sede do Degase (Estrada das Canárias, nº 569, Portão B, Galeão, Ilha do Governador - Rio de Janeiro) para a inscrição, que acontecerá entre os dias 3 a 6 de novembro.

Do total de vagas, 20% são para negros e 5% a deficientes.

Companhia de Água e Esgoto/AP

São 70 vagas imediatas, além do cadastro reserva, para nível fundamental e médio. Os concurseiros podem concorrer pelo site do Instituto Intelectus, a banca organizadora. A taxa de inscrição varia entre R$ 19,90 (nível fundamental) e R$ 50 (nível médio).

A remuneração chega a R$ 2.089,12, além do vale alimentação e transporte, auxílio saúde, penosidade, creche e educação. Segundo o edital de abertura, as provas serão aplicadas em 6 de dezembro.

Aos candidatos, que vão disputar as vagas de nível fundamental, é oferecido o cargo de encanador de água e esgoto. Já para nível médio, o posto é o de agente de saneamento.

Para todos os cargos, serão cobrados conhecimentos em língua portuguesa, matemática e raciocínio lógico, atualidades, informática e conhecimentos específicos. Ao cargo de nível médio, ainda haverá questões sobre legislação de saneamento básico.

O resultado final sairá até 28 de dezembro. Do total de vagas, 5% são para deficientes.

PESQUISA DE CONCURSOS