Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

IBGE: Taguatinga é segunda cidade do país com a maior concorrência

Concurso registra, ao todo, mais de 500 mil inscritos

16/03/2016 15:11

Do CorreioWeb

Marcelo Ferreira/CB/D.A Press
Perdendo apenas para São Luís, no Maranhão, a cidade de Taguatinga no Distrito Federal registrou a segunda maior concorrência do concurso nacional aberto pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). As três vagas destinadas a cidade-satélite serão disputadas por 5.210 inscritos, o que equivale a uma concorrência de 2.605 candidatos por chance - a capital maranhense também tem três vagas, mas a quantidade de candidatos ultrapassa os 6,5 mil. O terceiro lugar na lista de concorrência ficou para o município de Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro, com 2.555 pessoas para cada uma das duas vagas abertas.

Outro dado relevante é a quantidade de pessoas que se inscreveram para concorrer às vagas reservadas a negros, foram 48.385 candidatos a 80 vagas.

Ao todo, o concurso com 600 vagas é desejado por 511.221 mil inscritos, sendo que a grande maioria prefere concorrer aos cargos de nível médio - são 460 oportunidades disputadas por 476.437 concurseiros.

Porém, o número de concorrência é inversamente proporcional quando as oportunidades aumentam. Entre as três localidades com menor disputa está São Paulo (com 1.248 candidatos a 24 vagas), Salvador (com 1.356 inscritos a 21 vagas) e Rio de Janeiro (com 2.455 candidatos a 17 vagas).

Assista: Especialista dá cinco dicas para passar no IBGE

Sobre o concurso

As provas serão aplicadas em 10 de abril, com 70 questões sobre português, inglês, raciocínio lógico quantitativo e conhecimentos específicos. Haverá ainda provas discursivas para todos os cargos e práticas para candidatos a áreas de design. A taxa custa R$ 69.

Para nível médio são 460 vagas para o cargo de técnico em informações geográficas e estatísticas. A remuneração inicial é de R$ 3.098,85, mas com possibilidade de chegar a R$ 4.858,61, com titulações. A prova será aplicada em 17 de abril - serão 60 questões sobre português, geografia, matemática e conhecimentos sobre o IBGE. A taxa de participação custa R$ 49.

E para nível superior são 140 oportunidades para analistas e tecnologistas, com remuneração inicial de R$ 7.000,49, com possibilidade de chegar a R$ 9.396,88, com gratificações.

Há vagas para formados em qualquer curso ou em análise de sistemas, sistemas da informação, tecnologia da informação, engenharia da computação, ciência da computação, informática, engenharia de sistemas, biologia, entre outras áreas.

Segundo o edital, 5% das vagas são destinadas a pessoas com deficiência e 20% a candidatos negros. A classificação final será válida por um ano e pode ser prorrogada por igual período.

PESQUISA DE CONCURSOS