Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Aprovada em concurso que teve início em 2007 é empossada como promotora de Justiça

Daniela iniciou a participação no concurso em 2007, mas a conclusão ocorreu somente neste ano

06/10/2016 10:00 | Atualização: 06/10/2016 10:06

Do CorreioWeb

Reprodução: MP/GO

Após quase 10 anos do início da seleção em que foi aprovada, Daniela Haun de Araújo Serafim tomou posse como promotora de Justiça substituta em Goiás, nesta segunda-feira (3). Ela deixou uma mensagem de confiança e persistência nos sonhos, durante sessão solene extraordinária do Ministério Público de Goiás (MP/GO).

Daniela iniciou a participação no concurso em 2007, mas a conclusão ocorreu somente neste ano. A nova promotora foi excluída do processo seletivo, pois teve a inscrição definitiva negada por não ter comprovado os três anos de atividade jurídica, exigidos no edital. No último agosto, ela foi aprovada nas provas orais, última etapa do certame, após decisão judicial favorável do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que lhe concedeu o direito de continuar na seleção.

"Os sonhos alimentam a alma e dão asas à inteligência. Se semeados no solo fértil da coragem e da determinação que residem em cada um de nós, eles fazem grande diferença à nossa existência", declarou a promotora durante discurso de posse. Ela resumiu a trajetória que enfrentou até ser empossada e deixou uma mensagem clara para todos os presentes: "Lute sempre pelos seus sonhos".

Com informações do Ministério Público de Goiás

PESQUISA DE CONCURSOS