Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

Prefeitura de Diamantina abre seleção para agentes comunitários de saúde

A remuneração é de R$ 1.082,39 mais acréscimo de insalubridade

08/11/2018 16:06 | Atualização: 08/11/2018 16:13

Mariana Fernandes

Prefeitura de Diamantina/Divulgação
A Prefeitura de Diamantina divulgou um novo edital de processo seletivo simplificado para a contratação temporária de sete agentes comunitários de saúde. A remuneração é de R$ 1.082,39 mais acréscimo de insalubridade para uma jornada de trabalho de 40 horas semanais. Confira aqui o edital completo.

Os candidatos serão avaliados por meio de provas de títulos e tempo de serviço. Os aprovados serão lotados nas cidades de Desembargador Otoni, Planalto de Minas, Cazuza, Sempre Viva-Palha, Bela Vista, Abrangência Guinda e São João da Chapada.

Interessados devem se inscrever no site www.diamantina.mg.gov.br. É necessário preencher o formulário e anexar a documentação exigida, que deverá ser entregue na Agência dos Correios de Diamantina de segunda a sexta-feira das 9h às 17h até 12 de novembro. O candidato deverá etnregar toda a documentação em envelope lacrado e com informações de remetente conforme estão explicadas em edital.

O prazo de validade da seleção é de dois anos, contados a partir da data de homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por igual período, uma única vez, a critério da Prefeitura.

Atribuições do cargo 

Entre as funções do cargo de agentes comunitários de saúde estão: desenvolver ações que busquem a integração entre a equipe de saúde e a população adstrita à UBS, considerando as características e as finalidades do trabalho de acompanhamento de indivíduos e grupos sociais ou coletividade; trabalhar com adstrição de famílias em base geográfica definida, a micro área; estar em contato permanente com as famílias desenvolvendo ações educativas, visando à promoção da saúde e a prevenção das doenças com o planejamento da equipe; cadastrar todas as pessoas de sua micro área e manter os cadastros atualizados;orientar famílias quanto à utilização dos serviços de saúde disponível;desenvolver atividades de promoção da saúde, de prevenção das doenças e de agravos, e de vigilância à saúde, por meio de visitas domiciliares e de ações educativas individuais e coletivas nos domicílios e na comunidade, mantendo a equipe informada, principalmente a respeito daquelas em situação de risco;acompanhar, por meio de visita domiciliar, todas as famílias e indivíduos sob sua responsabilidade, de acordo com as necessidades definidas pela equipe; e cumprir com as atribuições atualmente definidas para os ACS em relação à prevenção e ao controle da malária e dengue; executar outras tarefas correlatas; atividades de prevenção de doenças e promoção da saúde, mediante ações domiciliares ou comunitárias.

Leia também: Secretaria de Segurança Pública de MG prorroga inscrições de concurso com 322 vagas


PESQUISA DE CONCURSOS