Faixa superior para impressão

Concursos

Concursos

TJAM, SEE/SP e PMGO abrem inscrições para duas mil vagas

20/03/2013 11:11

Do CorreioWeb

O Tribunal Judiciário do Amazonas (TJAM), a Secretaria de Educação de São Paulo e a Polícia Militar de Goiás abrem, nesta quarta-feira (20/3), inscrições para duas mil vagas para todos os níveis de escolaridade. Os salários chegam a R$ 19.435,27. Confira a seguir as definições de cada certame.

TJAM
A Fundação Getúlio Vargas (FGV) é a banca organizadora dos dois certames abertos pelo Tribunal. O primeiro para servidores e o segundo para juiz. As inscrições terminam em 22 de abril e devem ser feitas pelo site www.fgv.br/fgvprojetos/concursos/tjam13.

Servidores
Para analista judiciário são 93 vagas, o salário é de R$ 6.787,06. A taxa é de R$ 85. Podem concorrer quem possui graduação em administração, arquivologia, direito, design gráfico, economia, enfermagem, engenharia ambiental e sanitária, engenharia (eletrônica e mecânica), medicina (cardiologia e ginecologia), psicologia, pedagogia, serviço social, ou, ainda, em qualquer área de formação superior. Há, ainda, oportunidades para as especialidades de leiloeiro e oficial de justiça avaliador.

Já para o cargo de assistente judiciário são 188 oportunidades, a remuneração é de 3.484,56 e a taxa é de R$ 65. Do total de chances, 170 serão para lotação na capital do estado e 18 para o interior, nas cidades de Careiro-Castanho, Careiro da Várzea, Itacoatiara, Iranduba, Manacapuru, Presidente Figueiredo e Rio Preto da Eva.

E para nível fundamental estão abertas 20 chances para auxiliar judiciário II. A taxa é de R$ 50 e a remuneração é de R$ 1.823,75. Os aprovados vão trabalhar somente nos municípios do Careiro-Castanho, Careiro da Várzea, Iranduba, Itacoatiara, Manacapuru, Presidente Figueiredo e Rio Preto da Eva.

As provas objetivas para níveis fundamental e superior serão aplicadas no dia 30 de maio, candidatos com nível médio realizarão os exames em 2 de junho.

Juiz
São oferecidas 31 vagas para o cargo de juiz substituto. O salário é alto: R$ 19.435,27. O concurso será composto por provas objetivas no dia 5 de junho, escrita discursiva, prática de sentença cível e criminal, sindicância de vida pregressa e investigação social, exame de sanidade física e mental, exame psicotécnico, prova oral e de títulos.

Veja os editais de abertura.

Secretaria
São 375 vagas para servidores de nível superior, sendo 97 para analista sociocultural (biblioteconomia), 182 para analista administrativo (qualquer graduação) e 96 para agente técnico de assistência à saúde (na área de nutrição).

De acordo com o documento de abertura, as remunerações variam de R$ 1.269,02 a R$ 2.169 em jornadas de 30 ou 40 horas semanais. Todos os inscritos passarão por provas objetivas de conhecimentos gerais e específicos, além de redação. A Fundação Vunesp organizará a seleção.

Interessados devem se inscrever até 12 de abril, pelo site www.vunesp.com.br e pagar taxa no valor de R$ 74. No ato do cadastro, o candidato deve optar por uma das 77 regiões de lotação disponíveis. Cinco por cento das chances são reservadas a candidatos com deficiência.


Veja o edital de abertura.

PMGO
A polícia goiana contratará 1,3 mil soldados voluntários. Para concorrer à uma das vagas, os candidatos devem ter entre 19 e 27 anos e diploma de nível médio completo, além de residirem no estado goiano. Interessados podem se inscrever até 21 de abril, pelo site www.pm.go.gov.br. A taxa de participação não foi informada no edital de abertura.

Todos os concorrentes serão submetidos à prova objetiva, teste de aptidão física, avaliação médica e psicológica, investigação social da vida pregressa e avaliação de títulos. Aprovados em todas as etapas ainda passarão por curso de formação, a ser ministrado na capital goiana. A primeira fase está prevista para ocorrer no dia 5 de maio.

Do número total de vagas, 620 são para Goiânia, 80 para Aparecida de Goiânia, 80 para Anápolis, 360 para Luziânia, 80 para Rio Verde, 40 para Jataí e 40 para Caldas Novas. Os contratos valerão por um ano, podendo ser prorrogados até o limite máximo de 33 meses. Durante o curso de formação, os candidatos receberão bolsa no valor de R$ 939,33. Após o período de aprendizagem, o subsídio sobre para R$ 1.341,90.