Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Mapa: Justiça autoriza continuidade do concurso e divulga locais de prova

28/04/2014 15:19

A Justiça Federal do Amazonas voltou atrás na suspensão do concurso do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e garantiu a continuidade do certame com 796 vagas. A decisão foi tomada após a pasta autorizar uma seleção de remoção de servidores efetivos. Com isso, as provas objetivas e discursivas no dia 4 de maio estão confirmadas e a banca organizadora já divulgou os locais de prova. Os exames serão aplicadas pela manhã (8h30), e à tarde (14h30). Saiba mais Oito fiscais federais agropecuários entraram com uma ação ordinária na 3ª Vara da Justiça Federal do Amazonas suspendendo o concurso com 796 vagas aberto pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), para o mesmo cargo. Os servidores alegam que o certame abriu vagas para localidades em que eles sempre manifestaram interesse de remoção, mas nunca obtiveram resposta positiva da Administração - eles foram lotados em Manaus e em Tabatinga, mas são provenientes de outros estados da federação. Saiba mais sobre a suspensão aqui. Para salvar o concurso, o Mapa autorizou no dia 17 deste mês seleção de remoção, e afirmou ao CorreioWeb que os dois concursos poderiam ocorrer ao mesmo tempo. O concurso Foram registrados 412.118 inscritos no certame - concorrência geral de, aproximadamente, 517 por chance. A capital federal registrou 33.783 concorrentes em todos os cargos. O posto com o maior número de inscritos registrado foi o de auxiliar de laboratório, em Recife, com 23.141 postulantes disputando 12 vagas - concorrência de, aproximadamente, 1.928 por chance. Para conferir a lista completa, clique aqui. Do total de vagas, 46 reservadas a pessoas com deficiência. As oportunidades são para níveis fundamental, médio/técnico e superior. Os salários variam de R$ 2.818,02 a R$ 12.539,38. Só para o Distrito Federal são 97 vagas. As chances para nível superior são de engenheiro agrônomo, farmacêutico, químico, veterinário, zootecnista, administrador, bibliotecário, contador, economista, engenheiro, geógrafo e psicólogo. Já para nível médio/técnico, as oportunidades são para agente de atividades agropecuárias, agente de inspeção sanitária e industrial de produtos de origem animal e técnico de laboratório, agente administrativo e técnico de contabilidade. Por fim, o cargo ofertado para candidatos com ensino fundamental é de auxiliar de laboratório. Haverá ainda avaliação de títulos para candidatos de nível superior. As vagas são para Acre, Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Pernambuco, Paraná, Rio Grande do Norte, Roraima, Rondônia, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo, Tocantins e Distrito Federal.

PESQUISA DE CONCURSOS