Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Planejamento autoriza nomeações para nove ministérios e três secretarias

Foram mais de 140 nomeações ao posto de analista técnico de políticas sociais

19/08/2014 15:50 | Atualização: 19/08/2014 16:03

Lorena Pacheco

Marcelo Ferreira/CB/D.A Press

A Secretaria Executiva do Ministério do Planejamento publicou, nesta terça-feira (19/8), a nomeação de 142 aprovados ao cargo de analista técnico de políticas sociais. Os contemplados serão lotados em nove ministérios: Saúde, Cultura, Trabalho e Emprego, Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Desenvolvimento Agrário, Cidades, Justiça, Previdência Social e Educação. Também receberão reforço a Secretaria de Políticas para as Mulheres, a Secretaria de Promoção da Igualdade Racial e a Secretaria de Direitos Humanos. Veja lista aqui.

Em junho do ano passado, a pasta autorizou a nomeação de 888 aprovados no cargo. O objetivo é a substituição de terceirizados.

O edital, elaborado pela Escola de Administração Fazendária (Esaf), foi lançado em 2012 e ofereceu 825 vagas para analista técnico de políticas sociais. A remuneração inicial do posto é de R$ 5.466,53. As chances foram distribuídas nas áreas assistência social (77 chances), educação (30), gestão social (248), previdência (20) e saúde (450).


PESQUISA DE CONCURSOS