Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Inscrições para 4,5 mil vagas começam nesta segunda-feira; salários até R$ 14 mil

Chances são para os níveis médio e superior distribuídas em três órgãos públicos

06/10/2014 10:41 | Atualização: 06/10/2014 11:30

Do CorreioWeb

Hmenon Oliveira/Agencia Brasília

A Polícia Militar de São Paulo (PMSP), a Secretaria de Saúde de Minas Gerais (SES/MG) e a Polícia Civil do Ceará (PCCE) abrem, nesta segunda-feira (6/10), as inscrições dos concursos que, juntos, oferecem 4.509 vagas. Há chances para candidatos com nível médio e superior, com salários que vão até R$ 14.595,39. Confira os detalhes a seguir.

PMSP

São 2.000 vagas ao posto de soldado de 2ª classe para o quadro de praças da corporação. Interessados podem se inscrever até o dia 7 de novembro por meio do site da organizadora, a Fundação Vunesp. A taxa de participação é de R$ 50.

O salário é de R$ 2.901,03. Haverá duas provas escritas no dia 14 de dezembro, às 14h, nas cidades de Araçatuba, Bauru, Campinas, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo e Sorocaba.

Para concorrer, candidatos devem ter concluído o nível médio, ter idade entre 18 e 30 anos, carteira de habilitação em qualquer categoria de ‘B’ a ‘E’ e altura mínima de 1,65m, se homens, e 1,60m, se mulheres. Além das etapas citadas, o certame ainda conta com prova de condicionamento físico, exames de saúde, investigação social e análise de documentos e títulos.

Aprovados passarão por estágio probatório, com duração de dois anos, e terá início com a matrícula no curso superior de técnico de polícia ostensiva e preservação da ordem pública. A seleção é válida por 90 dias, podendo ser prorrogada por igual período.

SES/MG
São dois concursos públicos que, juntos, oferecem 1.746 vagas. Candidatos podem se inscrever até o dia 9 de novembro. A Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (Funcab) é a banca organizadora dos certames, e admite inscrições de candidatos com níveis médio ou superior. As inscrições podem ser feitas pelo site da banca. As taxas vão de R$ 42 a R$ 53.

O primeiro edital de abertura é para auditor assistencial do Sistema Único de Saúde (SUS), com 130 vagas (sendo 15 para deficientes). Haverá provas objetivas e discursivas, que serão aplicadas no dia 7 de dezembro, nas cidades mineiras de Alfenas, Barbacena, Belo Horizonte, Diamantina, Divinópolis, Governador Valadares, Juiz de Fora, Montes Claros, Patos de Minas, Ponte Nova, Pouso Alegre, Teófilo Otoni, Uberaba e Uberlândia.

A remuneração inicial dos cargos é de R$ 3.300, acrescido de prêmio por desempenho de metas no valor variável de até R$ 1.500. Podem concorrer graduados em medicina, direito, administração, ciências econômicas, ciências contábeis ou gestão pública, enfermagem, odontologia, e formados na área de Saúde de forma geral.

O segundo edital oferta 1.616 vagas (sendo 165 para deficientes). Haverá apenas provas objetivas no dia 7 de dezembro, nas mesmas cidades citadas acima.

De acordo com o documento normativo, os salários vão de R$ 954,55 a R$ 2.292,10. Há chances para cargo de especialista em políticas e gestão de saúde, destinado a graduados em farmácia, arquitetura, engenharia (civil, elétrica, mecânica, eletrônica, ambiental), comunicação social, direito, psicologia, pedagogia, administração, ciências contábeis, ciências econômicas, ciência da computação, sistema de informação, entre outras áreas. Há ainda o cargo de técnico de gestão de saúde, que exige nível médio.

PCCE
Das 763 oportunidades abertas em três editais, 39 são reservadas a candidatos com deficiência. As oportunidades são para delegado, inspetor e escrivão, com salários que chegam a R$ 14 mil. As inscrições podem ser feitas pelo site www.vunesp.com.br, até 7 de novembro. As taxas custam R$ 150, R$ 85, de acordo com o cargo pretendido.

A Fundação Vunesp é a banca organizadora. De acordo com o edital de abertura, a lotação dos aprovados será definida de acordo com a necessidade da Administração Pública.

No primeiro edital são 168 vagas para delegado, posto que exige curso superior em direito. O salário é de R$ 14.592,39. Já no segundo edital, são 259 chances para inspetor, e mais 336 oportunidades para o posto de escrivão no terceiro documento normativo. O subsídio para ambos é R$ 2.946,16 e para participar é preciso ter diploma em qualquer curso superior. As jornadas de trabalho são de 40h semanais.

Todos os candidatos farão prova objetiva, curso de formação e treinamento profissional, sindicância de vida pregressa, exame de capacidade física, avaliação psicológica e avaliação de títulos. Após aprovação nas fases acima, os candidatos farão ainda exame toxicológico e avaliação médica. Candidatos ao posto de delegado farão também prova discursiva. Já quem concorre ao posto de escrivão terá que fazer prova prática de digitação.

Veja o edital.

As provas objetivas para todos os postos estão marcadas para o dia 18 de janeiro, na capital cearense.


PESQUISA DE CONCURSOS