Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

TJBA e TJGO encerram inscrições para 257 vagas nesta quarta

Oportunidades são para os níveis médio e superior, com salários que chegam a R$ 21,6 mil

10/12/2014 10:37

Do CorreioWeb

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA) e o Tribunal de Justiça de Goiás (TJGO) encerram, nesta quarta-feira (10/12), as inscrições para os concursos que, juntos, oferecem 257 vagas. As chances são para candidatos de nível médio e superior, com salários que vão de R$ 3.091,21 a R$ 21.657,46. Confira os detalhes a seguir.

TJBA

São 200 oportunidades para níveis médio e superior. Para se cadastrar o candidato deve acessar o site da Fundação Getúlio Vargas (FGV) até às 23h59, e pagar taxa de R$ 68 ou R$ 85, de acordo com o cargo pretendido. Cinco por cento das chances são reservadas ao candidato com deficiência.

Para nível superior as oportunidades são para analista técnico, nas áreas de direito, administração, arquitetura, assistência social, biblioteconomia, jornalismo, contabilidade, economia, enfermagem, engenharia civil, engenharia elétrica, engenharia mecânica, estatística, medicina, odontologia, psicologia e tecnologia da informação. A remuneração é de R$ 5.117,24.

Candidatos com nível médio completo poderão concorrer ao posto de técnico judiciário. As chances são para área judiciária, administrativa e tecnologia da informação. O salário é de R$ 3.091,21. Para todos os postos a jornada de trabalho é de 30h semanais.

Os candidatos serão avaliados por meio de provas objetiva e discursiva nas cidades de Barreiras, Feira de Santana, Ilhéus, Juazeiro, Porto Seguro, Salvador e Vitória da Conquista. Quem concorre ao posto de analista passará ainda por avaliação de títulos. O edital não informa a data de realização das etapas.

TJGO
São 57 vagas para o cargo de juiz substituto. Interessados podem se inscrever até às 14h, por meio do site da banca organizadora, a Fundação Carlos Chagas (FCC). A taxa de participação é de R$ 200.

O salário da função é de R$ 21.657,46. Candidatos passarão por cinco etapas, sendo que a primeira delas, a prova objetiva, será aplicada no dia 8 de março de 2015. Para participar do certame, candidatos devem ser bacharéis em direito com, no mínimo, três anos de atividade jurídica. Além da prova objetiva, candidatos realizarão duas provas discursivas, sindicância de vida pregressa e investigação social, exame de sanidade física e mental, exame psicotécnico, prova oral e avaliação de títulos.

A seleção é válida por dois anos, podendo ser prorrogada por igual período.

PESQUISA DE CONCURSOS