Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

FUB e Assembleia Legislativa de Goiás aplicam provas neste fim de semana

Ao todo, são mais de 300 vagas estão em jogo; confira os horários e locais

10/04/2015 15:38

Sílvia Mendonça

Neste domingo (10/4), dois órgãos aplicam provas objetivas relativas a seus processos seletivos. Candidatos aos concursos da Fundação Universidade de Brasília (FUB) e da Assembleia Legislativa de Goiás devem conferir os horários e locais de prova o quanto antes. Ao todo, são mais de 300 vagas estão em jogo.

FUB
Após alteração no período de inscrição do concurso, candidatos que concorrem às oportunidades de assistente em administração e técnico em ótica realizarão a prova neste domingo (12/4). De acordo com a banca, o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB), 15.347 pessoas se inscreveram nesses dois postos. Os demais cargos já passaram pela etapa. Os locais e horários podem ser conferidos pelo site da organizadora. A mudança foi necessária já que os requisitos para os cargos foram retificados, após recomendação do Ministério Público Federal (MPF).

As chances são destinadas a candidatos que têm nível médio/técnico ou superior. Do total de oportunidades, 12 estão reservadas a candidatos com deficiência e 43 para negros. Quem concluiu o nível médio/técnico disputa os postos de assistente em administração; técnico de laboratório, nas especialidades de biologia, física e química; técnico de tecnologia da informação; técnico em educação física; técnico em eletrotécnica; técnico em geologia; técnico em mecânica; técnico em ótica; técnico em refrigeração e técnico em telecomunicações.

Graduados, por sua vez, concorrem aos cargos de contador, enfermeiro do trabalho, engenheiro nas áreas civil e elétrica, médico, nutricionista e técnico desportivo. Os salários ofertados são de R$ 2.175,17 e R$ 3.666,54, para os níveis médio/técnico e superior, respectivamente. Além das etapas citadas, candidatos aos postos de técnico de laboratório (em todas as áreas), técnico em eletrotécnica e técnico em refrigeração realizarão prova de desempenho teórico-prático. A seleção é válida por dois anos, podendo ser prorrogada por igual período.

Assembleia Legislativa de Goiás
O concurso oferece 84 vagas. Os salários são atraentes e podem chegar a casa dos R$ 26,5 mil. Do total de chances, nove são reservadas a candidatos com deficiência. Para conferir os locais de realização das provas, clique aqui. Segundo a organizadora da seleção, o Centro de Seleção da Universidade Federal de Goiás, 18.389 candidatos se inscreveram – concorrência geral de, aproximadamente, 218 pessoas por chance.

Para nível superior são 37 oportunidades, sendo oito para o cargo de procurador, com salário de R$ 26.516,02. Para participar é exigida graduação em direito e registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

As outras 29 chances são para analista judiciário, nas seguintes funções: analista de dados, analista de redes e comunicação de dados, analista de sistema, comunicador social, contador, pesquisador legislativo, programados visual, revisor taquigrafo e taquigrafo. O salário é de R$ 4.626,52.

Já para candidatos de nível médio, são 47 vagas para assistente legislativo, nos postos de assistente administrativo, assistente de suporte de TI, operador técnico, programador de computador, técnico em gravação e som e técnico em processamento de dados e telecomunicações. A remuneração é de R$ 3.376,99. Os candidatos também serão submetidos a análise de títulos. Para o posto de taquígrafo ainda será exigido teste prático.

PESQUISA DE CONCURSOS