Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Especialistas listam principais tópicos para conquistar aprovação na BB Tecnologia

Com 300 vagas abertas, o Banco do Brasil busca preencher cargos em todo o país. Inscrições se encerram na quinta-feira (6/8)

05/08/2015 17:10 | Atualização: 05/08/2015 17:38

Do Correio Braziliense

Tatyane Mendes/Esp. CB/D.A Press
Jorge Luiz concorre a uma vaga de analista de operações
A BB Tecnologia e Serviços, antiga Cobra Tecnologia, que integra o conglomerado do Banco do Brasil, encerra as inscrições para concurso público nesta semana. A oferta é de 300 vagas, distribuídas por todo o país, além de cadastro reserva, para níveis técnico (123), médio (exclusivamente cadastro reserva) e superior (177). Para Brasília, há 123 vagas e cadastro reserva para níveis superior e técnico.

A prova será composta por uma fase objetiva e, exclusivamente para o cargo de nível superior, haverá avaliação de títulos. A banca escolhida para a aplicação do exame foi o Instituto Quadrix. Serão cobrados conhecimentos básicos de língua portuguesa e raciocínio lógico-matemático para todos os cargos, além de língua inglesa para a vaga de analista de operações, e informática, para quem for concorrer a um posto de técnico administrativo.

Quem tem diploma de curso superior em qualquer área pode concorrer ao cargo de analista de operações, cuja remuneração é de R$ 3.823,12. Com rendimento de R$ 1.737,78 mensais, o cargo de técnico de operações exige curso técnico, que pode ser nos segmentos de automação industrial, eletroeletrônica, eletromecânica, eletrônica, eletrotécnica, mecatrônica, manutenção e suporte em informática, redes de computadores ou telecomunicações. Candidatos de nível médio podem se candidatar à vaga de técnico administrativo, cujo salário é de R$ 1.470,44.

Veja o edital de abertura.

Jorge Luiz Júnior, 26 anos, deseja conquistar uma vaga de analista de operações. Formado em sistemas de informação, ele atua no segmento há oito anos. “Decidi fazer por ser um concurso na especialidade de que gosto: desenvolvimento de sistemas. A instabilidade e a falta de valorização do profissional no mercado privado também me motivam muito entrar na carreira pública.” O arquiteto de software estuda duas horas por dia revisando os conteúdos e assistindo a videoaulas, além de procurar apostilas disponíveis na internet. “Estou confiante, porém é uma banca que não é muito conhecida e tive alguns problemas no concurso passado no conteúdo específico”, revela.

O caminho das pedras
“Análise sintática, principalmente a parte de classificação das orações subordinadas, e o emprego do ‘que’ nas funções de pronome e conjunção são as matérias que mais costumam cair”, diz o professor de língua portuguesa do Instituto de Estudos Farmacêuticos (Ifar) Vitor Barbosa.

Paulo Henrique, professor de raciocínio lógico da Alphacon, orienta que os candidatos dominem os conteúdos de proporção, estatística e probabilidade. “É comum que a banca apresente gráficos e imagens, pedindo o cálculo de ângulos e proporções. A Quadrix costuma apresentar itens com baixo grau de dificuldade, então é importante entender de forma geral os conteúdos, sem a necessidade de aprofundar muito”, explica. “O conteúdo do edital é enxuto e comum a todos os concursos que cobram a disciplina, então não há muitas surpresas. O candidato precisa praticar com provas antigas.”

Para a disciplina de informática, o professor do Alub Concursos Nereu Costa recomenda focar na parte de segurança. “É preciso dar uma atenção a mais aos procedimentos de proteção e pragas virtuais, sendo fundamental entender a diferença entre vírus e worms”, avalia. Procedimentos de bacape, conceitos de intranet e computação na nuvem também são importantes. “Em conhecimentos básicos, o candidato precisa conhecer o painel de controle e as configurações do Windows 7. Dentro do Pacote Office, os atalhos do Word e as fórmulas de soma e média aritmética do Excel são o que costumam cair mais”, indica. Nos conteúdos sobre navegadores, é bom ficar atento à forma de segurança utilizada, como o inprivate, que impede que os históricos do computador sejam gravados. “O candidato precisa memorizar conceitos e entender como funcionam os comandos. É preciso ler muito, mas mais importante é fazer exercícios. Recomendo a utilização do Test Your Knowledge (TYK) do Correio Web para treinar”, sugere.

Banco de questões
É um aplicativo gratuito em formato de jogo com 160 mil questões sobre diversas matérias que caem em concursos. Para utilizar o TYK, é necessário baixar o aplicativo no dispositivo móvel por meio da Google Play Store ou da App Store. O produto está disponível para iOS e Android.

O que diz o edital

BB Tecnologia
Inscrições: até quinta-feira (6), pelo site www.quadrix.org.br
Taxas: R$ 3.823,12 (nível superior), R$ 1.737,78 (nível técnico) e R$ 1.470,44 (nível médio)
Vagas: 300, mais cadastro reserva
Salários: R$ 38,50 (nível superior), R$ 28,50 (nível técnico) e R$ 26,50 (nível médio)
Provas: 23 de agosto (nível superior) e 6 de setembro (nível técnico e médio)

PESQUISA DE CONCURSOS