Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Não quer sair do DF? Concursos oferecem mais de 500 vagas para trabalhar em Brasília

Três órgãos estão realizando seleções, com salários de até R$ 15,1 mil e 200 vagas. Outros três devem lançar o edital em breve

01/09/2017 10:22 | Atualização: 01/09/2017 10:49

Mariana Fernandes / Do CorreioWeb /

Divulgação
Concurseiros interessados em atuar no Distrito Federal têm seis concursos para ficar de olhos bem abertos. Três órgãos já lançaram edital e oferecem 200 vagas na capital. As chances, distribuídas no Conselho Federal de Farmácia, Câmara Legislativa do DF (CLDF) e no Tribunal Superior do Trabalho (TST), são de nível médio e superior e os salários chegam a mais de R$ 15 mil. 


Além disso, estão previstas outras 341 chances para os concursos da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e do  Superior Tribunal Militar (STM), que já divulgaram algumas informações e estão prestes a lançar o edital completo. 

Já o Tribunal Regional Federal da 1ª Região, com sede em Brasília, definiu a banca organizadora, que será o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe), mas ainda não divulgou o número de vagas. 

Confira as oportunidades abaixo.

CRF 

O edital para o novo concurso do Conselho Federal de Farmácia (CFF), com sede no Distrito Federal, já foi lançado. A seleção será organizada pela Inaz do Pará. Os salários variam entre  R$ 3.392,22 e R$ 7.239,54. Os interessados poderão se inscrever no período de 28 de agosto a 29 de setembro, pelo site da banca organizadora do certame. A taxa varia entre R$ 60 e R$ 100. 

Candidatos de nível médio vão poder disputar quatro vagas para o cargo de auxiliar administrativo, com salário de R$ 3.392,22. Graduados poderão optar pelos cargos de analista de sistema (1), auditor (1), contador (1), farmacêutico (2) e programador (2), com remuneração de R$ 7.239,54. Haverá ainda 51 vagas para formação de cadastro reserva para todas as funções.

A seleção compreenderá o exame de habilidades e conhecimentos, mediante aplicação de prova objetiva, e de prova discursiva somente para candidatos ao cargo de farmacêutico. Além disso, haverá também avaliação de títulos para postulantes de nível superior. A aplicação das provas será em 19 de novembro.

CLDF

Câmara Legislativa do Distrito Federal está com 86 vagas de nível médio e superior abertas. Os salários serão de R$ 10.143, 07 e R$ 15.879,40, respectivamente. A expectativa da Casa é de que o concurso acumule 100 mil inscrições. 

As oportunidades de nível superior são para os cargos de consultor legislativo (17), consultor técnico legislativo (38) e procurador (1). Já de nível médio, as oportunidades são para o cargo de técnico legislativo (30). O regime de trabalho é de 30 horas semanais para todos os postos.

Interessados podem se inscrever de 14 de setembro a 16 de outubro pelo site da Fundação Carlos Chagas (FCC), organizadora do certame. A taxa varia de R$ 63 a R$ 88.


TST

São 52 oportunidades imediatas e formação de cadastro reserva para quem pretende ingressar no Tribunal Superior do Trabalho. As chances são para candidatos com nível médio ou superior com salários que variam de R$ 6.376,41 a R$ 10.461,90, respectivamente. 

Para analistas judiciários são admitidas inscrições de concorrentes com nível superior em direito (3), tecnologia da informação (2), contabilidade (1) e em qualquer curso de graduação para as áreas administrativa e de taquigrafia. Já para nível médio, há 22 chances para técnico judiciário da área administrativa, duas para segurança judiciária e 17 para programação (que exige curso técnico). 

As inscrições poderão ser feitas de 17 de agosto a 22 de setembro, pelo site da Fundação Carlos Chagas (FCC), que é a banca organizadora da seleção. As taxas de participação vão de 80 a R$ 120. 

As provas objetivas e discursivas para alguns cargos serão aplicadas em 19 de novembro, pela manhã para cargos de nível médio e à tarde para nível superior. 

Outras chances

Além dos editais já lançados, os concurseiros já podem esperar concurso para a Agência Brasileira de Inteligência (Abin), para o  Superior Tribunal Militar (STM) e também para o Tribunal Regional Federal da 1ª Região. Todos já foram autorizados e estão para sair em breve. Ou seja, já podem se preparar! 

Abin

Serão oferecidas 300 vagas, sendo 220 para oficiais de inteligência, 60 para oficial técnico de inteligência e 20 para agente de inteligência. O edital de abertura será publicado até janeiro de 2018.
 
De acordo com a tabela de remuneração dos servidores da União, o salário inicial para oficiais é de R$ 16.620,46; já oficiais técnicos é de R$ 15.312,74; e agentes recebem R$ 6.302,23. 

Já faz sete anos que o último concurso da agência para as carreiras de inteligência foi lançado, em setembro de 2010, quando foram ofertadas 100 vagas, 70 para oficial e 30 para agente. A remuneração era de R$ 10.216,12 e R$ 4.211,04, respectivamente. No total, 49.275 pessoas se inscreveram para participar da seleção organizada pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB).
 
STM

O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) seráo organizador do novo concurso público,que deve ser publicado em meados de setembro. Já estão confirmadas 41 vagas imediatas, além de cadastro reserva. 

De acordo com o órgão, poderá haver nomeações do cadastro de reserva e, mediante consulta, aproveitamento da lista de aprovados por outros órgãos do Poder Judiciário da União. 

As áreas de atuação dos profissionais também já foram definidas. As chances serão para analista judiciário e técnico judiciário, de níveis superior e médio, respectivamente. O salário inicial dos cargos é de R$ 10.119,93 para analista e R$ 6.167,99 para técnico. Veja as especialidades aqui.

Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF 1)

O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) foi escolhido para organizar o certame. O Tribunal, com sede no Distrito Federal, dispõe ainda de jurisdição nos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Piauí, Rondônia, Roraima e Tocantins.

Ainda não foi divulgado o número de vagas que serão abertas, mas sabe-se que as chances serão para os cargos de técnico e analista judiciário, de nível médio e superior, com remunerações de R$ 7.320 e R$ 11.063, respectivamente. 

PESQUISA DE CONCURSOS