Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Adasa/DF: definidas as especialidades e atribuições de cargos para próximo concurso

Concurso é esperado há mais de oito anos; oportunidades são de nível médio e superior

15/09/2017 16:17 | Atualização: 15/09/2017 16:31

Do CorreioWeb

Reprodução/Sinser
A Secretaria de Estado de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag) publicou nesta sexta-feira (15/9), no Diário Oficial do DF, as atribuições específicas para cargos da Agência Reguladora de águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal (Adasa). Entre eles, estão as especialidades de regulador de serviços públicos e de técnico de regulação, que serão cargos oferecidos no próximo concurso. Veja lista completa aqui

Em junho de 2016 a Adasa anunciou a comissão responsável pela realização de seu novo concurso do órgão. O certame será para contratação de efetivos nos cargos de regulador de serviços públicos, advogado e técnico de regulação de serviços públicos.  

Apesar de o certame ser contemplado no orçamento de 2017, a data da publicação do edital ainda não foi definida.

Veja mais detalhes sobre as atribuições dos cargos: 

Regulador de serviços públicos

As oportunidades são para as áreas, de gestão e regulação (graduação em qualquer curso), engenharia civil, engenharia ambiental e sanitária, engenharia florestal, geologia, economia, contabilidade e direito.

Dentre as funções do regulador estão  planejar, fiscalizar e exercer o controle sobre as atividades de competência da Adasa, além de participar de programas de treinamento e  assessorar atividades específicas de regulação, fiscalização e administração.


Técnico de regulação de serviços públicos

Para concorrer à este cargo é necessário ter ensino médio completo. A função é executar as atividades de suporte técnico na área de regulação de recursos hídricos e de serviços públicos regulados pela Adasa, além de participar de ações fiscalizadoras e executar atividades de suporte administrativo tais como: pesquisa e planejamento, gestão de pessoas, orçamento, finanças, patrimônio, material, logística e infraestrutura, microfilmagem, arquivo, documentação, comunicação e modernização.

Longa espera


O último concurso da Adasa ocorreu em 2009, quando foram ofertadas 143 vagas efetivas de nível médio e superior. A seleção foi organizada pela Fundação Universa, e contou com provas objetiva e discursiva para todos, além de avaliação de títulos para graduados.

Para nível médio, eram 25 vagas para o cargo de técnico em regulação de serviços públicos. Candidatos com nível superior puderam concorrer aos cargos de regulador de serviços públicos (110) e advogado (8). A remuneração variava de R$ 2.914,49 a R$ 6.798,36 para jornadas de 40h semanais. 

Para concorrer aos cargos de regulador e advogado foi necessário ter diploma de ensino superior completo, sendo que os formados em direito deveriam também ter o registro na Ordem dos Advogados do Brasil. Já para o cargo de técnico, o requisito foi ter certificado de conclusão de nível médio.

PESQUISA DE CONCURSOS