Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Bancários do BRB fazem paralisação relâmpago por mais direitos e contratações

27/05/2015 13:07

Lorena Pacheco

Kleber Lima/CB/D.A Press
Das 11h às 13h os bancários das agências do Banco de Brasília (BRB) cruzaram os braços. Dentre outras reclamações da categoria, a paralisação de duas horas organizada pelo Sindicato dos Bancários de Brasília reivindica mais contratações para o banco. Outras exigências são o pagamento da parte linear da Participação nos Lucros e Resultados (PLR), a efetivação dos gerentes de negócio e o repúdio à planilha de produção. A assessoria do BRB não se pronunciou sobre a paralisação até o fechamento da matéria.

No começo do mês, uma comissão de aprovados fez manifestação em frente ao edifício sede do BRB cobrando a nomeação de todo o cadastro reserva do concurso de 2011. Até o momento, dos 1.500 aprovados para o cargo no concurso de 2011, 1.120 foram convocados, restando apenas 380 para zerar o banco. Na ocasião, a assessoria da instituição se limitou a dizer que continuará convocando os candidatos na medida em que houver necessidade, até o encerramento do prazo de validade do concurso, ou seja, até dezembro.

A seleção do BRB foi realizada em outubro de 2011 para o preenchimento de 100 vagas de escriturário e 10 para tecnologia da informação, além de formação de cadastro reserva para os cargos de advogado, assistente social, engenheiro de segurança do trabalho, médico do trabalho, psicólogo, auxiliar de enfermagem e técnico de segurança no trabalho. De acordo com o edital, a remuneração inicial varia de R$ 1.680,00 a R$ 3.356,14.

PESQUISA DE CONCURSOS