Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Vai fazer o concurso da Anvisa? Especialistas te ajudam a ser aprovado

A seleção já está autorizada. A Anvisa tem até outubro para abrir o edital com vagas de nível médio

20/04/2016 11:25 | Atualização: 20/04/2016 12:05

Do CorreioWeb

Edílson Rodrigues/CB/D.A Press
Com a autorização para lançamento do novo concurso de técnicos administrativos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), é bom que os concurseiros já iniciem a preparação para as provas, afinal de contas o edital de abertura já tem prazo limite para sair: até outubro deste ano. Serão abertas 78 vagas para candidatos com nível médio.

O professor de direito administrativo e econômico do IMP Concursos João Coelho, acredita que a organização do concurso autorizado deva ser de responsabilidade do Cespe/UnB. Em análise da prova anterior da autarquia, aplicada pelo Cetro em 2013, ele afirma que o perfil de cobrança da banca examinadora foi semelhante à Esaf, na estrutura, e ao Cespe, no conteúdo. Para direcionar melhor os estudos, antes mesmo da publicação do regulamento do concurso, é importante saber que as disciplinas mais cobradas na prova anterior foram regulação e vigilância sanitária, legislação e regulação de saúde pública, alerta o professor.

Já o mestre em estatística e especialista em concursos Victor Maia acredita que, para aumentar as chances de aprovação, o candidato deve focar em melhorar o desempenho nas disciplinas que possui menor conhecimento. “As pessoas dividem o tempo de estudo entre as disciplinas apenas olhando o peso no edital. Mas é preciso ponderar também o quanto você sabe das matérias. O candidato deve estudar o que cai mais e deve priorizar um tempo maior para conteúdos que sabe menos. Nesse caso há maior margem para ganho de pontos, quando se compara a uma mesma carga de estudo para uma disciplina que já se tem maior proficiência. Antes de começar a estudar, o primeiro passo é se avaliar em todas as disciplinas, mesmo que não tenha estudado alguma delas”, orienta.

Para ele, fazer essa avaliação pode evitar o estudo improdutivo com o aproveitamento eficaz do tempo, ajudar o candidato a ter segurança para realizar a prova e, consequentemente, atingir um bom resultado.

Dicas
Ler a legislação

Ler os textos legais, destacar os pontos principais, resolver questões de provas anteriores e fazer anotações sequenciadas são boas apostas para o estudo. Selecionar os principais artigos para leitura rápida no momento de revisão e antes da prova também são boas estratégias para fixação e assimilação da disciplina legal.

Questões dissertativas
A leitura das leis também ajuda na composição de textos dissertativos, pois a menção de certos termos evita interpretações dúbias e dá maior possibilidade de sucesso na pontuação do avaliador. Também é importante ser objetivo e desenvolver a capacidade de entender qual é o assunto principal da questão, para não perder energia nem tempo em aspectos laterais.

Vigilância sanitária

Embora tenha caído apenas cinco perguntas, a questão discursiva do teste passado foi sobre a importância da Anvisa no processo de construção do Sistema Único de Saúde (SUS) e do Sistema Nacional de Vigilância Sanitária (SNVS).

Direito administrativo
Os assuntos mais importantes da área são licitações, processo administrativo, organização da Administração Pública, Lei 8.112/90 e atos administrativos.

Administração
O candidato deve focar em controle da administração, gestão de pessoas e administração de recursos materiais.

Administração pública
O foco deve ser nos princípios e em políticas públicas.

Português
Interpretação e reescrita de texto garantem 80% dos pontos.

Arquivologia
Destaque os conceitos fundamentais, gerenciamento da informação e a gestão, preservação e conservação de documentos.

Raciocínio lógico

O conhecimento de problemas simples de matemática garante mais da metade da prova. O diferencial é dominar lógica de argumentação. É preciso entender as tabelas-verdade e os operadores lógicos.

Regulação

O principal assunto são as agências reguladoras, em especial, naturalmente, a Anvisa. A Lei nº 10.871/2004 deve ser estudada a fundo.

Saiba mais sobre o concurso: Ministério do Planejamento autoriza concurso para a Anvisa

PESQUISA DE CONCURSOS