Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Após acordo judicial, Banco do Brasil não abrirá mais concursos apenas para cadastro reserva

Decisão põe fim a uma tradição já enraizada nas seleções do banco

08/04/2015 12:44

Lorena Pacheco

Evandro Matheus/Esp. CB/D.A Press
Os tradicionais editais de concurso público apenas para formação de cadastro reserva do Banco do Brasil não serão mais lançados. Com o objetivo de por fim ao processo judicial que tramita na 20ª Vara do Trabalho de Brasília, o BB se comprometeu a especificar nos próximos documentos a previsão de vagas disponíveis na instituição, por meio de acordo judicial com o Ministério Público do Trabalho.

O número deve representar a real necessidade por funcionários do banco, garantindo mais transparência ao processo seletivo. A decisão, porém, não extingue o cadastro reserva, que também poderá ser utilizado sem criar falsas expectativas de nomeação nos candidatos.

De acordo com o BB, a nova política beneficiará 2.627 classificados que serão convocados para posse. Destes, 950 aprovados serão provenientes do edital 3 de 2012, outros 500 do edital 1 de 2013, e mais 1.177 do edital 2 do mesmo ano. Sobre o concurso em andamento (edital 2 de 2014), que também abriu chances apenas para cadastro, o banco vai estipular o número de vagas imediatas. O novo quantitativo será disponível após 90 dias da homologação do resultado final.

Caso o acordo seja descumprido, a multa prevista é de R$ 300 mil. Leia mais: Justiça condena seleções internas do BB e obriga realização de concursos para nível superior

PESQUISA DE CONCURSOS