Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Itamaraty confirma 30 vagas para carreira diplomática neste ano

Em novembro do ano passado, o MRE divulgou que o Cespe/UnB organizará a seleção

08/06/2015 16:23

Sílvia Mendonça

Sinduscon - DF/Reprodução
O Ministério das Relações Exteriores (MRE) informou, nesta segunda-feira (8/7), que serão abertas 30 vagas para carreira diplomática no concurso público deste ano. De acordo com a publicação, feita no Diário Oficial da União, desta vez, o prazo de realização da primeira prova será de 39 dias com relação à data de publicação do edital. Em novembro do ano passado, o Itamaraty divulgou que o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB) organizará a seleção.

O último certame do órgão também foi organizado pelo Cespe/UnB. Ao todo, 4.151 pessoas entraram na disputa pelas 18 vagas de diplomata - concorrência média de 230 candidatos por chance. Segundo o edital de abertura, a remuneração ofertada era de R$ 14.290,72.

O concurso foi composto por três fases, sendo a primeira composta por prova objetiva, constituída de questões de língua portuguesa, história do Brasil, história mundial, geografia, política internacional, língua inglesa, noções de economia, noções de direito e direito internacional público, de caráter eliminatório e classificatório. A segunda fase contou com prova escrita de língua portuguesa, de caráter eliminatório e classificatório. E, por fim, a terceira fase foi composta por provas escritas de história do Brasil, geografia e política internacional, língua inglesa, noções de economia, noções de direito e direito internacional público, e prova objetiva de língua espanhola e língua francesa, de caráter eliminatório e classificatório.

Para estar apto ao cargo, o candidato deveria apresentar diploma de conclusão de curso superior reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC). Quem tinha graduação realizada no exterior, teve de apresentar até a data da posse a revalidação do diploma.

Os aprovados na seleção ingressaram em cargo de classe inicial da carreira de diplomata (terceiro secretário), de acordo com a ordem de classificação obtida, e no curso de formação do Instituto Rio Branco, em Brasília/DF. O prazo de validade do concurso foi de 30 dias, a contar da data de publicação do resultado final, sem possibilidade de prorrogação.

PESQUISA DE CONCURSOS