Concurso, CorreioWeb, Brasília, DF

publicidade

Prepare-se para a prova física da Polícia Civil do DF

Iniciantes em concursos para a carreira policial podem se preparar previamente com treinamento elaborado por especialista

22/03/2016 11:00 | Atualização: 22/03/2016 11:06

Do CorreioWeb

André Violatti/CB/D.A Press
Os concurseiros interessados em concorrer a uma das 100 vagas abertas pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) já devem começar a conciliar os estudos teóricos com o preparo físico. Afinal, as provas objetiva e discursiva para perito criminal serão realizadas em 19 de junho, mas o teste físico ainda não tem data definida.

Segundo a banca organizadora, o Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades), o cronograma das avaliações deverá sair apenas após a divulgação do resultado das primeiras fases da seleção - para se ter uma idéia, o último concurso da corporação para o cargo, realizado em 2011 pela Fundação Universa, concedeu cerca de três meses entre os testes teóricos e físicos.

Por isso todo tempo deve ser aproveitado para não ser pego de surpresa. E, para ajudar na conquista do cargo, o Correio explica melhor como o concurso vai aplicar os testes físicos e ainda disponibiliza um modelo de treino, montado pelo especialista em fisiologia do exercício e gerente de musculação da Companhia Athletica, Filipe Feijó, para concurseiros iniciantes em seleções para carreiras policiais*.

Entenda o teste
A prova de capacidade física da PCDF terá caráter unicamente eliminatório. Para participar do exame é preciso estar com roupa apropriada no dia do teste e munido de identidade e exame médico feito em no máximo 15 dias.

De acordo com o edital, tudo será filmado - no teste de corrida o candidato poderá até ser monitorado por chip. Será aprovado o candidato que conseguir 50% da pontuação, sendo que cada teste valerá de zero a 100 pontos. Tirando a corrida, que será feita apenas em uma tentativa, as demais etapas poderão ser feitas duas vezes, com intervalos de tempo maiores que cinco minutos.

Os casos de alteração psicológica e/ou fisiológica temporários (como menstruação, indisposições, caibras, contusões, luxações e fraturas), que impossibilitem a realização dos testes ou diminuam a capacidade física dos candidatos, não serão levados em consideração, mesmo que ocorram durante a realização dos testes. A exceção são as mulheres que apresentarem atestado de gravidez, que poderão fazer os testes em até 120 dias após o parto. Confira abaixo os quatro tipos de testes que serão aplicados:

Teste dinâmico de barra fixa:
o candidato deverá flexionar simultaneamente os cotovelos até ultrapassar com o queixo a parte superior da barra. Em seguida, voltará à posição inicial pela extensão completa dos braços. Para não ser eliminado, o mínimo é de três flexões para homens e uma para mulheres. A pontuação começa dos 50 e vai aumentando em 10 para cada flexão. Para ter pontuação máxima, são necessárias oito flexões para os homens e seis para as mulheres.

Saiba também:
Apesar de concurso oferecer 20 vagas imediatas, PCDF precisa de 212 peritos

PCDF paga maior salário inicial para peritos em todo país

Teste de flexão abdominal: inicialmente o candidato deverá ficar deitado de costas, com pés apoiados no solo, os joelhos flexionados e os calcanhares a não mais de 30 centímetros das nádegas. É preciso ainda colocar as mãos na nuca com os dedos entrecruzados e apoiar o dorso das mãos firmemente no solo. Os pés serão segurados por outra pessoa, para evitar que se levantem do solo. O executante deve flexionar o tronco com afastamento de 45º em relação ao solo, retornando à posição inicial. O teste terá a duração de um minuto e será iniciado e terminado com um silvo de apito. Os homens devem fazer no mínimo de 31 e no máximo 36 flexões e as mulheres devem fazer de 26 a 31 repetições.

Teste de meio sugado:
o teste terá a duração de um minuto. O candidato em pé deverá flexionar as pernas, apoiando-se com as mãos no solo, depois estender as pernas para trás, tomando a posição para flexão de braço. O candidato depois volta a flexionar as pernas, apoiando-se com as mãos no solo e fica em pé novamente, quando completará uma repetição. Os homens devem fazer de 20 a 26 repetições e as mulheres de 16 a 21.

Teste de corrida: o teste será realizado em local previamente demarcado, com identificação da metragem ao longo do trajeto. O candidato terá 12 minutos para executar o teste e poderá se deslocar em qualquer ritmo, correndo ou caminhando, podendo, inclusive, parar e depois prosseguir. A pista não deve ser abandonada sem a liberação do fiscal. Também não se deve dar ou receber qualquer tipo de ajuda física, bem como não poderá se deslocar no sentido progressivo ou regressivo da marcação da pista depois de findos os doze minutos sem a respectiva liberação do fiscal, sob pena de eliminação do concurso. Os homens devem percorrer a distância mínima de 2.350 metros e as mulheres, de 2 mil metros. A pontuação máxima ficará com quem realizar acima de 2.820 metros e 2.420 metros, respectivamente.

Confira aqui o plano de treinamento para perito da PCDF


*Trata-se de uma orientação e que procurar um especialista para uma avaliação individual das condições físicas é o ideal.


PESQUISA DE CONCURSOS